Mandato do Betão percorre cidades mineiras discutindo política, educação, infraestrutura, saúde e meio ambiente

    Durante a semana Betão e o mandato visitaram algumas cidades de Minas Gerais, levando informação, discutindo temas como política, e marcando presença em eventos ligados à educação, ao meio ambiente e a infraestrutura.

    Neste sábado Betão esteve em Ubá para falar do atual momento político e da importância do Partido dos Trabalhadores neste contexto de ataques à classe trabalhadora. Em Ubá, participei de um curso de formação política. “A capacitação foi uma das demandas apresentadas durante a nossa primeira plenária, realizada em maio deste ano e diante do atual contexto de ataque à classe trabalhadora é necessário percorrer todos os espaços levando informações contra a reforma da Previdência e contra as atuais políticas de desmonte aplicadas em Minas Gerais e no país”, disse Betão a uma plateia de mas de 50 pessoas.

    Em Visconde do Rio Branco o Betão participou de uma plenária com novos filiados do PT. Durante o encontro falamos do golpe de 2016, dos retrocesso do atual desgoverno e de como as políticas de destruição de direitos tem afetado a todos. Falamos sobretudo da força das manifestações dos dias 15 e 30 de maio da necessidade de mobilização para a Greve Geral do dia 14 de junho.

    Nosso objetivo é conduzir uma discussão política de qualidade junto a pessoas que realmente querem tornar o Brasil um país melhor. É só o começo, continuaremos com o nosso trabalho em outras cidades levando capacitação e escutando as demandas de todos", afirmou.

    Em Santos Dumont,  a assessora Gicele Brittes, participou da Feira regional Zona da Mata de Economia Solidária, que acontece do dia 7 a 9 de junho na cidade. O encontro contou com a participação de empreendedores solidários da cidade de Ubá, Matias Barbosa, Juiz de Fora , Bias Fortes , Cataguases , Leopoldina e da própria comunidade local.

    Ao todo, foram mais de 50 expositores. Além da comercialização dos produtos artesanais e orgânicos, a feira recebeu ainda discussões sobre o atual momento político. “O mandato do Betão marcou presença falando sobre a retirada de direitos dos trabalhadores e a necessidade de unidade da classe diante da atual política dos governos estadual e federal”, informou Gicele.

    Uma das representantes da Zona da Mata no Fórum Mineiro de Economia Solidária, Elisa Souza, o evento tem também um forte caráter social. “Nesse cenário de crise, o Fórum é uma opção de renda para as pessoas que estão desempregada e que precisa de alguma forma gerar renda”, disse.

    Em Santos Dumont, Betão participou das comemorações do 10 anos do Instituto Federal, IF campus Santos Dumont. O evento aconteceu durante o V Simpósio de Pesquisa, Ensino e Extensão (Simepe), com a participação de reitores, professores, alunos e trabalhadores da educação de diferentes campi que compõem o Instituto Federal de Educação do Sudeste de Minas Gerais. “Diante do atual contexto de ataques à educação e de cortes para a pesquisa e desenvolvimento tecnológico, foi uma honra dividir o espaço com tantas pessoas preocupadas e empenhadas em fazer uma educação pública de qualidade em Minas Gerais”, afirma.

    O encontro contou com a presença do reitor do IF Sudeste, Charles Okama, o reitor da Universidade Federal de Juiz de Fora, Marcos David, o ex-ministro do governo Lula, Luíz Dulci, além dos reitores e diretores dos campi de Barbacena, Rio Pomba, São João Del Rei, Cataguases, Ubá e Bom Sucesso.

    Em Cataguases, o assessor Fernando Baesso, esteve presente no “Dia de Campo”, organizado pela EMATER-MG, Instituto Estadual de Florestas (IEF) e a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Cataguases.

    O evento foi no Sítio Vargem Alegre, junto a uma pequena comunidade de produtores rurais que trabalham no campo e vendem seus produtos, como feirantes no Mercado dos Produtores de Cataguases. Demos nosso total apoio à causa da agricultura familiar, orgânica e popular. “Neste atual momento de destruição da natureza é fundamental nosso mandato colaborar com a discussão da preservação ambiental”, afirma.

    Também estivemos presente na cidade de Mar de Espanha para tratar de uma questão histórica do asfaltamento da MG-126, que liga a cidade à Sapucaia e é divisa com o Rio de Janeiro. Aguardem, em breve teremos novidades.

    Em Andrelândia, participamos da cerimônia de aprovação da moção de Protesto contra a reforma da Previdência. O mandato já percorreu mais de 30 cidades mineiras de diferentes regiões do Estado, levando informação sobre o quanto será prejudicial a aprovação desta proposta que penaliza a todas as classes, em especial professoras, mulheres e trabalhadores rurais.

    Na cidade de Passa Vinte, nosso encontro foi com prefeito e vereadores para falar de diversos assuntos como política, reforma da Previdência, e o atual momento político. Cada vez mais é importante nosso mandato estar junto às prefeituras, levando informação e tomando nota das dificuldades.

     

    No começo da semana, também fizemos uma visita ao Hospital São Vicente de Paula, em Ubá, para falar da necessidade de melhorias para o atendimento ambulatorial, hospitalar e cirúrgico na cidade e na região. O assessor Gilson Lyrio foi quem acompanhou a visita. Para ele é de extrema importância lutar por melhorias para o hospital que atende a centenas de pessoas. “Temos um compromisso não só com a saúde, mas também com a classe trabalhadora em Ubá. Em breve realizaremos uma audiência pública na cidade para discutir a questão dos acidentes de trabalho na cidade e isso também impacta no atendimento ao hospital”, disse convidando a todos para a audiência. A visita contou com a presença do presidente do Sindicato dos Marceneiros de Ubá, José Carlos e a diretoria do Hospital.

    Também estivemos na cerimônia de comemoração dos 110 anos da Escola Estadual Cônego Joaquim Monteiro, em Matias Barbosa para celebrar mais de um século do local em prol da educação.

    Por meio do Diálogo e Ação Petista, o mandato do Betão esteve presente nos municípios de Juiz de Fora e Minas Gerais. Durante a reunião o mandato fez um balanço das grandes manifestações dos dias 15 e 30 de maio, saudando a participação da juventude e o caráter unitário da luta contra a proposta do governo Bolsonaro. Durante o encontro, também foi falado sobre o 7° Congresso do PT e distribuída a Carta aos Petistas.

    Share on facebook
    Facebook
    Share on twitter
    Twitter
    Share on whatsapp
    WhatsApp
    Share on telegram
    Telegram

    Deixe uma resposta

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Fechar Menu