You are currently viewing Zona rural de Manhumirim ganha Ponto de coleta seletiva na comunidade de Barra do Ouro

Zona rural de Manhumirim ganha Ponto de coleta seletiva na comunidade de Barra do Ouro

Iniciativa socioambientais na cidade contam  com o apoio do mandato do Betão

A comunidade da Barra do Ouro, na zona rural de Manhumirim, passa a contar com um Ponto de Entrega Voluntária  (PEV) para recebimento de resíduos recicláveis da comunidade. O mandado do Betão, apoiador da causa, marcou presença no evento de inauguração, por meio da música e da mística do companheiro Sebastião Farinhada.  O local, que funcionará na Associação dos Moradores da Barra do Ouro, é iniciativa da cooperativa Aguapé, por meio de parcerias com entidades internacionais e nacionais como a EMATER.

"O Ponto é um diferencial para que as pessoas mudem seu olhar sobre o que é lixo e o que é reciclável. Estive em Uberlândia na Associação de Recicladores e Catadores Autônomos e também conheço o trabalho das associações de catadores da Zona da Mata, e ambas valorizam esse conceito do que é lixo e o que pode ser reaproveitado, reforçando a consciência ambiental", disse Betão lembrando que um dos pontos defendidos por ele na reforma administrativa apresentada por Zema foi a manutenção do Centro Mineiro de Referência em Resíduos.

A inauguração foi animada e, além da música, o evento contou também com a palestra de José Weber, voluntário da Cooperativa Aguapé. O palestrante falou sobre a importância da coleta seletiva e do trabalho que realiza há 12 anos em Manhumirim, no empreendimento de economia solidária, formada por catadores de material reciclado.

O voluntário José Weber acompanha o trabalho da organização de trabalhadores do antes chamado “lixão”. Ele lembra que devido ao apoio de voluntários em gestão, os catadores conseguiram se organizar e fizeram um contrato com a prefeitura no ano de 2007 para a formação da Usina de Triagem e Compostagem de Lixo.

“Hoje esses moradores estão fazendo história com 12 anos de implantação da coleta seletiva em Manhumirim, com uma cooperativa formada por moradores e com a geração de renda e mais cidadania para os trabalhadores do setor”.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.