Morador de Juiz de Fora faz projeto de lives para valorizar a enfermagem, levar leveza e ajudar a quem precisa durante a pandemia

Um enfermeiro, morador de Juiz de Fora, e natural da cidade de Dionísio, parou e pensou: e se pandemia fosse uma forma de valorizar e incentivar a profissão, que neste ano completa 200 anos? Foi assim que surgiu o  projeto do enfermeiro Marcos Antônio Garcia Vieira,  “Somos a Enfermagem Brasileira; de Minas para o Mundo”, em conformidade com a campanha internacional Nursing Now, que tem como objetivo apresentar os profissionais da categoria como os verdadeiros protagonistas da saúde.

A ideia é que do dia 28 de maio até o dia 27 de junho, aconteçam lives “culturais, solidárias e gratuitas como terapias e meios de proporcionar leveza e bem-estar”, como gosta de explicar Marcos, idealizador do projeto, que hoje trabalha em Juiz de Fora com pessoas em situação de rua e afirma que neste momento, é muito necessário valorizar a profissão, assim como buscar a arte e a leveza.

Além de provocar a leveza em um momento tão difícil, a  intenção é também ajudar a quem precisa, por isso, durante as lives, você pode entrar, doar e indicar uma instituição de caridade em Minas Gerais para receber as doações.

Até o momento, já tem gente confirmando a participação, e o SAMU em 94 cidade da Zona da Mata já confirmou parceria e retransmissão. Participam também outros cinco países, nove estados e cerca de 200 cidades brasileiras. “Nosso mandato apoia a iniciativa e convoca todos a participarem. Valorizar a enfermagem é um dever constante, e com as lives a gente poderá ajudar à muitas pessoas que realmente precisam da nossa ajuda neste momento”, afirma o deputado estadual Betão.

Os encontros, serão com bandas consagradas da cena musical mineira, Hocus Pocus (cover BEATLES), Lurex (QUEEN), It’s Only ROLLING STONES, além de outros estilos musicais, como forró, com banda como Cia de Forró, e artistas como Hudson Souza, Paulo Mourão, Tom Farias e Adriano Fernandes (Viola e MPB), Sertanejo, Samba e outros.

O projeto vai contar também com lives de dança com a participação do coreógrafo Rodrigo Delano ( que participou do Dança dos Famosos), artes cênicas e tudo que puder ser feito para “minimizar o sofrimento emocional causado pelo exaustivo enfrentamento à pandemia da Covid-19”.

As doações recebidas serão, preferencialmente, de cestas básicas, produtos de higienização e limpeza,álcool em gel,EPI (máscaras e protetores faciais) agasalhos (roupas e cobertores),que serão destinados às Pessoas em Situação de Rua (PSR) e Entidades Sociais. Na hora da live todo mundo pode doar e ainda pode indicar a sua instituição de caridade preferida para receber a doação

As arrecadações serão contabilizadas ao final do projeto e será feita a prestação de contas junto aos órgãos de Fiscalização e Controle, bem como às próprias entidades parceiras cadastradas e aos parceiros envolvidos.  

O site oficial e os links para as apresentações das Lives, serão amplamente divulgados a partir desta segunda, mas se você se interessou, basta entrar em contato com o Marcos Antônio Garcia Vieira pelos contatos: [email protected] ou pelo telefone (32) 8808-1346 ou (32) 3235-1346.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.